Encontro de fuscas e carros antigos agita Capão Bonito – SP

Dos clássicos aos modernos: evento reuniu carros de vários municípios.

Os amantes de carros antigos tiveram passeio certo neste domingo (09), em Capão Bonito. Foi a 6ª edição do Encontro de Fuscas e Carros Antigos, realizado na Garagem do Supermercado Super G. Dos clássicos aos modernos, o evento reuniu expositores: Guareí, Itapetininga, Itapeva , São Miguel Arcanjo, Buri, Votorantim, Angatuba, Ribeirão Grande. 

De acordo com os organizadores, representando pelo Edivaldo Pedrosa,(Val) funileiro e amante da modalidade, este evento contou com a participação de mais de 150  carros, um número satisfatório  para um  encontro organizado pelo Clube do Fusca e Carros Antigos de Capão Bonito que há mais de 7 anos vêm acontecendo, com muita dedicação e esforço. Segundo ele, este ano o encontro trouxe mais uma novidade, a participação também da galera dos carros rebaixados e dos motociclistas Irmãos do Vale de Capão Bonito.  E, claro, os fuscas foram entre os modelos mais apreciados pelo público.

“O fusca é uma linguagem mundial. Qualquer lugar do mundo que você vai é bem recebido, as pessoas te param para saber do seu carro, você acaba conversando, fazendo amizades. É um carro agregador. E o curioso é que o fusca foi construído para ser utilizado na guerra, por ser um carro pequeno, resistente, com motor refrigerado a ar e com uma mecânica muito simples. Estamos realizando todos o anos com o apoio dos demais parceiros e a idéia e cada ano crescer mais e mais e  tornar este evento um tradicional atrativo cultural  para ara a cidade ”, explica o organizador do Val.

O evento trouxe também outros modelos tops, como por exemplo, Ford Galaxie, um automóvel que foi fabricado pela Ford no Brasil de 16 de fevereiro de 1967 a 2 de abril de 1983 totalizando 77.850 unidades produzidas. Trata-se de um modelo sedã luxuoso, contando inclusive com ar condicionado e direção hidráulica já no fim da década de 1960, itens considerados opcionais até hoje em muitos carros.  Eleito pela Mecânica Popular o Carro do Ano de 1967, também considerado pelos antigo mobilistas o carro mais luxuoso do Brasil. Também, Kombis, um carro que deixou de ser fabricado recentemente e de sucesso grande no mundo todo, especialmente no Brasil, usado comumente para carretos e transporte escolar, era muito utilizada por hippies da década de 1960 para transportar as pessoas para festivais de música e acabavam se tornando verdadeiras casas sobre rodas.

O evento contou com grande publico e  com especial apoio do Super Mercado Super G, representando pelo gerente Reginaldo José Araujo e família. Vários atrativos também ocorreram durante o evento como sorteios de brindes e participação de barracas de doces,artesanatos,etc.   

MODELOS

Uma das vedetes do encontro foi Mercedes bens ano 1957 ,que o proprietário cedeu para expor e também no evento.”Não poderiamos deixar de comentar Fordinho 1929 .E outros Opalas , SP2 , Chevete, Fusca , Brasilia , Veraneio, Corcel, Variante, Galaxie, Jeep, Gol Turbo entre outros” lembrou ainda Reginaldo, gerente do Super G também amante de carros antigos e participante.





Gráfica Editora e Jornal Via Mão - Redação: Rua Komiko Kakuta, 38 - São Judas Tadeu - Capão Bonito - SP
CNPJ: 05.771.658/0001-10 - Registrado no Cartório de Registro Civil de Pessoas Jurídicas, sob n.º 12 no Livro "B" Matriculado e Microfilmado sob n.o 1.256.
Email: redacao@jornalviamao.com.br - jornalviamao@jornalviamao.com.br