8 de junho, Dia do Citricultor – homens e mulheres responsáveis por fazerem de São Paulo o maior produtor de laranja do mundo

A safra de laranja 2017/2018, que começa a ser colhida em julho, deve alcançar 1 milhão de toneladas – ou 24 milhões de caixas, o que representa um aumento de 33% sobre as 750 mil toneladas de 2016/2017. Depois das perdas registradas na safra passada, prejudicada pelo veranico, a expectativa é de retomada nesse ano. Na foto, pomar de laranja em Rolândia.
Foto: Divulgação Cocamar

No dia 8 de junho é comemorado o Dia do Citricultor, figura responsável por produzir os cítricos que o brasileiro adora consumir, sobretudo a laranja e o limão. Você sabia que a cada cinco copos de suco de laranja consumidos no mundo, três são com a fruta cultivada no Brasil? Para garantir que o Estado de São Paulo mantenha o protagonismo no parque citrícola, a Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI), órgão da Secretaria estadual de Agricultura e Abastecimento, permanece ao lado do produtor com orientações, linhas de crédito e programas para que ele produza alimentos saudáveis e com qualidade.

São Paulo é o maior produtor de limão do Brasil, dominando em torno de 70% desse segmento, segundo o Instituto de Economia Agrícola (IEA), e o maior produtor de laranja do mundo, respondendo por quase 30% do total produzido no globo terrestre, de acordo com dados do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, em inglês) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Essas informações evidenciam o protagonismo dos paulistas no campo e que enchem a população de orgulho.

Cancro cítrico e greening – estamos de olho

Cancro cítrico e greening são doenças que acometem muitas plantações, em especial o greening, caracterizado como a pior doença da citricultura no mundo. No entanto o Estado de São Paulo está atento a essas doenças e é visto pelo mundo como um exemplo de eficiência pela forma como atua no combate.

Os órgãos da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado, como a CATI e a Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA), em parceria com o Fundo de Defesa da Citricultura (Fundecitrus), investem em ações que resultaram na diminuição de plantas infectadas e no aumento de produção de citros. Com isso, ganha o produtor no campo e também a população do meio urbano, que pode consumir de forma segura e saudável.





Gráfica Editora e Jornal Via Mão - Redação: Rua Komiko Kakuta, 38 - São Judas Tadeu - Capão Bonito - SP
CNPJ: 05.771.658/0001-10 - Registrado no Cartório de Registro Civil de Pessoas Jurídicas, sob n.º 12 no Livro "B" Matriculado e Microfilmado sob n.o 1.256.
Email: redacao@jornalviamao.com.br - jornalviamao@jornalviamao.com.br