A inveja não brilha

reflexao2_11-01-2011

Era uma vez uma cobra que começou a perseguir um vagalume que só vivia para brilhar.
Ele fugia rápido com medo da feroz predadora e a cobra nem pensava em desistir.
Fugiu um dia e ela não desistia, dois dias e nada…
No terceiro dia, já sem forças o vagalume parou e disse à cobra:
– posso fazer três perguntas ?
– não costumo abrir esse precedente para ninguém mas já que vou te comer mesmo, pode perguntar…
– pertenço a sua cadeia alimentar ?
– não.
– te fiz alguma coisa ?
– não.
– então por que você quer me comer ?
– porque não suporto ver você brilhar.





Gráfica Editora e Jornal Via Mão - Redação: Rua Komiko Kakuta, 38 - São Judas Tadeu - Capão Bonito - SP
CNPJ: 05.771.658/0001-10 - Registrado no Cartório de Registro Civil de Pessoas Jurídicas, sob n.º 12 no Livro "B" Matriculado e Microfilmado sob n.o 1.256.
Email: redacao@jornalviamao.com.br - jornalviamao@jornalviamao.com.br