Prefeitura resgata Olímpiada e promove pela primeira vez a Paraolimpíada Estudantil

A abertura do evento que promove o esporte entre os estudantes do Ensino Fundamental de Capão Bonito ocorreu neste último sábado no Estádio Municipal

A Prefeitura Municipal de Capão Bonito, através da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Turismo, atualmente comandada pelo secretário José Dimas Cordeiro de Miranda, resgatou mais uma importante atividade para promoção da cidadania e do esporte entre os alunos da rede municipal, estadual e particular de Educação do município, a VI edição da Olimpíada Estudantil e a 1ª da Paraolimpíada Estudantil.

As competições se iniciaram na última quinta-feira, dia 3, na quadra esportiva do Centro Educacional, Cultural e Esportivo Paulo Freire, mas a abertura oficial do evento ocorreu no sábado, dia 5, às 09h00, no Estádio Municipal Dr. José Sidney da Cunha (Campo do Elosport). “O objetivo é promover um evento educativo, esportivo e inclusivo e principalmente despertando nos alunos o espírito de coletividade, disciplina e cooperação, e consequentemente, estimular a revelação de novos talentos”, comentou o secretário da pasta.

A cerimônia de abertura foi conduzida pela supervisora de Educação, Adriana Vieira, e contou com a presença do prefeito Marco Citadini, do presidente da Câmara de Vereadores, Antônio Roberto Siqueira, e dos secretários municipais José Dimas Cordeiro de Miranda, Marcelo Varela e Erivaldo Rodolfo.

Após a execução do Hino Nacional, o atleta capão-bonitense e campeão mundial, Alan Galvão, um dos atletas que participou da passagem oficial da Tocha Olímpica por Capão Bonito em 2016, abriu a condução do ato simbólico da Tocha Olímpica Municipal. Participaram ainda condução da tocha os alunos Raissa Ferraz Rostelato, da Akiko Ikeda, Marcos Paulo da escola Elias Jorge Daniel, Rodrigo José de Siqueira, aluno da André Franco Montoro (Turvo dos Almeidas), MaikeRian da Jornalista José Carlos Tallarico, Paulo Henrique da Miosenhor Pedro José Vieira, Maria Eduardo da Angelino Sudário de Souza (Bairro dos Proenças), Felipe Morais da escola Jacyra Landim Stori, João Vitor, aluno da Oscar Kurtz Camargo, Rômulo Cosme da maria Conceição Lucas Mieldzis, Camille Vitória da Samuel Freitas, Tainara Fernanda da escola estadual Padre ArlindoeEduardo César do colégio SacreCoeur.

Um dos momentos marcantes do evento foi a condução da Tocha Olímpica feita pelos alunos especiais Graziele da Silva Soares da Apae e Emanuel Gaya de Vasconcellos Ribeiro, da Escola Waldorf de Capão Bonito. Proprietária de uma empresa de Medicina e Segurança do Trabalho, Marina Gaya, mãe de Emanuel, elogiou a iniciativa. “Apesar de ser a sexta Olimpíada Estudantil, é a primeira Paraolimpíada Estudantil da história de Capão Bonito. Como já disse em outras ocasiões, nossa cidade está mudando e se tornando a cada dia mais inclusiva.Quem foi hoje à abertura, pode ver o Manú e mais um tanto de alunos com deficiência, que fazem parte da rede regular de ensino e da Apae. Todos juntos. Todos com todos. Trazer estes alunos com deficiência para participação na sociedade os torna iguais, apesar de suas diferenças. Que alegria! Que orgulho da minha cidade”, disse.

Não faltou também o tradicional “Juramento dos Atletas”, que foi proferido pela aluna Ingrid Harumi Sugawara da Oscar Kurtz Camargo e repetido pelos demais estudantes/atletas. 

A competição

De acordo com a coordenadora do projeto, Adriana Vieira, serão disputadas oito modalidades, sendo Atletismo, Damas, Xadrez, Tênis de Mesa, Voleibol, Basquetebol, Futsal e Queimada, com disputadas entre alunos de cinco categorias: fraldinha, pré-mirim, mirim, infantil e paraolimpíada, tendo como palco esportivo a quadra do Centro Educacional Paulo Freire, a quadra José Elias de Proença, na Oscar Kurtz Camargo, o Ginásio José Ermírio de Moraes (Arcão) e pista de atletismo do Campo do Elosport.

Ao todo, participarão até o final da competição estudantil cerca de 2.545 alunos sob coordenação dos professores de Educação Fisica, Ricardo José de Oliveira, Josemar Alves, Fernando França, Levi Souto Rodrigues, Ronaldo Galvão, Valdemir Liberato, Claudio Consolmagno e Ribamar Nogueira, além do apoio dos demais professores da rede municipal. A competição segue até o dia 7 de setembro.

Paraolimpíada

Ainda no sábado, após a cerimônia, a Prefeitura organizou as competições da Paraolimpíada nas modalidades Arremesso de Peso e de Pelota, Corrida de Cadeira de Rodas, Corrida de 60 metros e Corrida de 20 metros. Todos os alunos participantes receberam medalhas. “Todos os alunos receberam medalhas porque o nosso objetivo é a inclusão”, destacou Adriana Vieira.


Voltar


Gráfica Editora e Jornal Via Mão - Redação: Rua Komiko Kakuta, 38 - São Judas Tadeu - Capão Bonito - SP
CNPJ: 05.771.658/0001-10 - Registrado no Cartório de Registro Civil de Pessoas Jurídicas, sob n.º 12 no Livro "B" Matriculado e Microfilmado sob n.o 1.256.
Email: redacao@jornalviamao.com.br - jornalviamao@jornalviamao.com.br